Publicidade

Por Fran Batista | 18 de maio de 2021

Em continuidade ao projeto desenvolvido de modo precursor pela Syngenta, que explica de modo didático a maneira correta de aplicar suas principais tecnologias agrícolas, a empresa disponibiliza 11 novas videobulas, voltadas ao segmento de tratamento e sementes, em sua plataforma Portal Syngenta.

Com as novas inserções, o público terá acesso a um total de 69 vídeos em 2D, baseados nas bulas de produtos do portfólio Syngenta.

Os materiais destacam as modalidades de aplicação dos produtos, em quais culturas podem ser empregados, os cuidados que o agricultor deve ter ao manejar as tecnologias, os EPIs necessários e intervalos de segurança por cultura, além de diversas outras informações que o ajudarão a obter o melhor aproveitamento dos defensivos, com segurança para as pessoas, para a lavoura e o meio ambiente.

As 11 videobulas inseridas no portal trazem informações completas sobre os produtos:  Cruiser 350 FS; Cruiser Opti; Cruiser Advanced; Cruiser 600 FS; Fortenza 600 FS; Maxim Advanced; Maxim Quattro; Maxim XL; Maxim XL Professional; Spectro; e Maxim. Os materiais estão disponíveis no Portal Syngenta, e podem ser acessados sem nenhum custo para os interessados em um manejo correto e seguro no campo.

Syngenta conectada ao produtor:

Além do projeto que disponibiliza ao público as videobulas, a Syngenta possui outros conteúdos que também trazem informações técnicas, em diferentes formatos, para auxiliar o produtor. De acordo com Guillermo Carvajal, Líder de Sustentabilidade da Syngenta para o Brasil e América Latina, os vídeos trazem informações didáticas e linguagem de fácil compreensão, justamente para ampliar o alcance das informações disseminadas.

“Um dos principais compromissos do nosso Plano de Agricultura Sustentável é justamente promover a saúde e a segurança dos trabalhadores do campo. Uma das frentes dessa meta é promover o uso seguro dos nossos produtos, premissa na qual estamos trabalhando com bastante dedicação, como exemplifica o projeto das videobulas”, destaca. O executivo também lembra que, por meio do mesmo Plano, a Syngenta prevê o lançamento de duas tecnologias disruptivas a cada ano para auxiliar os produtores a enfrentar os desafios trazidos pelas mudanças climáticas.

Publicidade